Faltam 30 dias

A Microsoft alerta para o fim do suporte ao Windows XP – criado em 2001 – com fim agendado para o dia 08 de abril de 2013 e adverte às corporações para a necessidade de migração de sistema operacional.

Em comunicado ao mercado, a empresa adverte que o custo para as empresas que se confrontaram com softwares infectados e perda de dados no ano de 2013, foi de aproximadamente 350 bilhões de dólares em todo o mundo.

Segundo ainda a companhia, os sistemas operacionais mais antigos estão desatualizados e ficam vulneráveis a ataques cibernéticos, onde os riscos não ficam apenas aos dados das empresas, mas também ao alto custo que esses ataques podem acarretar. De acordo com o IDC, em 2013 as empresas gastaram US$ 114 bilhões, para enfrentar os problemas de segurança causados por softwares pirateados.

“A segurança de nossos clientes corporativos é muito importante. É por isso que insistimos para que eles atualizem seus software e eliminem qualquer potencial ameaça cibernética”, menciona Andrés Rengifo, diretor para América Latina da unidade de crimes digitais e propriedade intelectual da Microsoft.

A companhia lembra que, há 12 anos, o Windows XP era um ótimo sistema operacional, tanto que, de acordo com a StatCounter, em outubro de 2013, sua penetração na América do Sul era de 20%.

Este sistema operacional tinha excelentes características anti-malware e de segurança, mas estas não são mais suficientes para defender as informações sigilosas das empresas. Portanto, reforça a Microsoft, é importante ter um sistema operacional moderno, como o Windows 8, que é 6,5 vezes menos capaz de ser infectado por malwares do que o Windows XP.

As empresas que ainda têm o Windows XP em seus computadores correm um grande risco de ficar cada vez mais desprotegidas de ataques virtuais. “O fim do suporte para Windows XP está próximo, o que significa que este sistema operacional deixará de receber atualizações de segurança no dia 8 de abril de 2014. As vulnerabilidades detectadas após esta data não serão mais resolvidas por atualizações de segurança da Microsoft”, disse Rengifo sobre a importância de ter o software moderno em computadores empresariais.

 A Microsoft incentiva migração para a versão 8,1 do Windows.
Fonte: http://convergenciadigital.uol.com.br